3.12.08

Boa tardeeeeeeee!!!
Tudo bem gente?

Ai que saudadeee!!!
Obrigada pelo carinho de vocês... não canso de agradecer!

Quero dizer que esse assunto que comecei a falar ontem já está dando o que falar...

O meu intuito não é ofender ninguém, nem criticar, espero que vocês saibam disso...

O que quero mesmo é que vocês vejam que tem coisas que acontecem com a gente que não é necessário, entendem?

De repente a gente não consegue enxergar as coisas, e não conseguimos resolver alguns problemas simples por falta de coragem...

Eu sei como é...

Poxa, já passei por isso também, e é por isso que vou contar aqui uma coisa que aconteceu pra ver se vocês entendem o que eu quero dizer, ta?

O fato é que a gente fica preocupado demais em não magoar os outros, mas as pessoas nem sempre estão com a mesma preocupação...

E é aí que complica... a gente dá atenção demais pra alguém e, na primeira oportunidade que a pessoa tem ela pisa na bola com a gente!

Ninguém mereceee!!!!

Uma vez eu namorava um cara que eu não gostava muito pra ser sincera... O namoro era bem legal porque ele fazia de tudo pra me agradar, ele gostava demais de mim, era um fofo!

Tudo o que eu pensasse em fazer ele já fazia antes pra mostrar que me amava.
Numa situação normal não acharia isso necessário, mas ele era demais!

E eu gostava, claro!

Não sejamos hipócritas também... que mulher não gosta de um cara nos agradando sempre??

Claro que tudo tem limites, eu sei, porém quando a pessoa é agradável e ainda mostra por todos os lados que te ama feito louco, não é bom?

Eu só não era loucamente apaixonada por ele, mas isso era o de menos...

Minha mãe sempre me disse que numa relação o homem tem que gostar mais da gente do que a gente deles.

Todas nós sabemos que isso é verdade, porém a gente quer mesmo aquele aperto no peito, aquele friozinho na barriga, certo?

É!!!
E aí às vezes a gente acaba se ferrando...

Bom, eu tentei seguir o conselho da Mama, mas confesso que não conseguia disfarçar, eu não conseguia demonstrar o mesmo amor que ele mostrava...

Tem coisas que não dá, né?

Bom, quis terminar váaaaarias vezes, mas esse homem não deixava de jeito nenhum... chorava, pedia, implorava, fazia plantão na porta de casa, falava com as minhas amigas pra não deixarem, era uma coisa!!!

E sempre eu voltava atrás, sempre com dó!!

Até que, com o passar do tempo eu comecei a gostar dele de verdade.. comecei a amar mesmo, me apaixonei pelo seu jeitinho, além do que, já estava tão acostumada com ele que nem pensava mais em terminar.

Era a pessoa mais feliz do mundooo... eu apaixonada por um cara que era louco por mim!
Não é tudo que a gente quer?
Pois é!

Só que, quando eu falei pra ele que estava apaixonada e comecei a demonstrar o maior amor por ele, o bonitão sem o menor peso na consciência disse pra mim que já tinha conseguido o que queria e agora não era mais tão apaixonado por mim assim, e que pra falar a verdade, nosso namoro perdeu a graça!

Oiiiii????

Quer dizer... resumido: enquanto eu o “maltratava” ele era doente por mim e fazia tudo o que eu queria... quando comecei a me apaixonar ele não quis mais!

Que coisaaaaa!!

E eu chorei também, pedi pra gente recomeçar e tal, mas não pensem que ele voltou atrás como eu fazia não... simplesmente disse que era isso que tinha decidido e ponto final!!!

Então... volto a dizer... Muitas vezes não vale a pena a gente deixar de fazer as coisas que queremos pelos outros, porque aí quando a gente menos espera levamos uma rasteira dessas sem dó!!!

Vamos pensar na gente e ser um pouquinho “egoístas”, afinal é a NOSSA vida e a NOSSA felicidade que está em jogo, certo???

Grande beijooooooo!
Até amanhã!!

Um comentário:

Camila Campos disse...

Re... pior que é exatamente assim! Quando ainda estamos "neutras" eles fazem de tudo pra nos agradar... dps que conseguem nos conquistar e a gente demonstra isso, eles se calam, somem... estranho neh....
depois mulher é q é complicada! hehehe

Bjss, ótimo texto! (e avisa qdo a matéria for ao ar tá?!)