13.8.08

Oiiiiiiiiiiiiiiiiii........

Já sei!!! Recebi um monte de mensagem querendo saber o final da história de ontem... vou contar agora!

Depois do último email que enviei pra ele, recebi uma resposta assim:

" Sei que não vai adiantar nada, mas te peço desculpas!"

Esses dias uma pessoa muito especial me disse uma frase que concordo plenamente, "depois que inventaram as desculpas tudo ficou mais fácil"!

Esse comentário é perfeito!! As pessoas hoje em dia não se importam mais se vão errar com você ou te deixar triste, simplesmente fazem o que tem vontade e depois se algo ruim acontecer falam a palavra mágica... "desculpa?!"

E ainda tem aqueles que dizem: " Eu te pedi desculpas, agora se você não quer aceitar, não há o que eu possa fazer!...".

HÂAAA?!?!?!

A pessoa quando faz uma coisa errada sabe que magoou a outra, claro, mas seus problemas acabaram!!!!... é só pedir desculpas gente!!!

E se por acaso, você demorar pra aceitar o problema já é seu!!!

Não é ótimo?!?

Estamos na época das DESCULPAS!!!!!

Tô começando a achar que vão começar a vender desculpas em caixinha!... Logo mais aparece uma desculpa tabajara por aí!

Cartões e mensagens já existem!!!!

Por isso que eu digo sempre: É melhor não errar e magoar os outros ao invés de fazer e pedir desculpas depois!

É simples, a gente que complica!!

Bom, voltando pra história do JOÃO BOBÃO (lembra do apelido?)...

Meses se passaram e sábado estava eu num barzinho com umas amigas, quando de repente quem vejo entrando no recinto e vindo em minha direção???

Ele... JB!!!!

Impressionante como São Paulo é grande e pequeno ao mesmo tempo!!! A gente sempre encontra as mesmas pessoas nos lugares mais inesperados.

Ele arregalou tanto os olhos quando me viu e percebeu que não dava pra fugir da situação que pensei que teria um enfarto ali mesmo no bar, e eu pra facilitar a situação virei a cara!!!

Sim!! Foi minha reação no momento, tipo aquelas em assalto que você nunca sabe qual vai ser, entende?

Acho que JB pensou que o receberia com um abraço apertado, por isso quando virei a cara ficou tão sem graça que as meninas na mesa que não sabiam de nada perceberam!

Ele sentou com os amigos e com certeza comentou a situação... não contente com minha reação levantou e foi até nossa mesa me falar um oi. Eu falei oi e tchau. Só! Esse foi o diálogo... Eu tô errada??? Ele queria o quê???

Gente, é muito difícil achar um cara bacana??

Minha cabeça tá confusa, tenho que admitir!

Vou colocar um vídeo agora pra vocês que expressa muito bem o que estou sentindo neste momento e hoje com certeza é melhor que minhas palavras!

Grande Beijooooooo!!!!

Até amanhã!

3 comentários:

Alcione disse...

Nossa adorei a sua sensibilidade...parabéns

Anônimo disse...

Parabéns Renata!
Estou adorando e me identificando com suas histórias!

Aguardo o livro!
Beijos!
Patricia Pimentel

Anônimo disse...

Oi, estou acompanhando seu blog e adorando, entro todos os dias.
Muito legal!

Um abraço e continue assim.

Regina S. Souza